Você vai largar tudo?

Quando eu estava metade decidida a realizar meu sonho, de viajar um ano pelo mundo, comecei a dividir esta idéia com algumas pessoas. Sendo bem sincera, acho que era uma tentativa de testar minha loucura, de saber o que os outros iam falar, me julgar, era uma busca de tentar achar a outra metade da minha coragem.

Eu passei por uma fase que até tentava explicar para as pessoas o meu projeto, que não era tão loucura assim, que eu estava me planejando de todas as maneiras possíveis. Porém, comecei a perceber que o que realmente importava era o que eu sentia dentro do peito.  De repente, já estava tudo resolvido, eu ia viajar por um ano sim, ia largar “TUDO”, o restante da coragem já estava comigo, só demorei um pouco mais para percebê-la.

Das perguntas que as pessoas me faziam, a que mais me causava estranheza era esta: “mas você vai largar tudo?”.  Vou, vou largar tudo, eu respondia. Mas virava as costas e isso ficava martelando na minha cabeça: largar tudo o quê? No começo, eu até achava que as pessoas estavam falando do marido e do casal de filhos que eu não tenho, mas aprofundando um pouco a conversa, vinha coisas do tipo: e as suas coisas?

Eu já acreditei que este sonho era impossível de se realizar por algumas questões mais pessoais que vou explorar num outro post, depois de ficarmos mais íntimos por aqui, mas nunca me passou pela cabeça deixar de realizar este sonho por causa das minhas coisas.

Então, decidi deixar aqui registrado tudo o que será largado para viver este sonho:

– Vou largar um trabalho que eu gosto, mas no momento, e por “n” motivos está sugando toda minha energia e não restando nada para os meus projetos pessoais.

– Vou largar uma vida rotineira (casa-trabalho-trabalho-casa) numa cidade que eu amo, mas anda mais caótica do que estou capaz de suportar.

– Vou largar minhas 2 bolsas pretas, as 2 marrons, a caramelo e a bege claro por que acho que tudo que eu vou precisar neste período cabe numa mochila.

– Vou sair do apartamento alugado (coisa boa de não ter patrimônios), vender meu carro popular e doar os móveis. Isto vai reduzir meus custos fixos a praticamente zero.

– Não vou largar de maneira alguma as coisas mais importantes da minha vida, minha família e amigos, incluindo minha gatinha Bellinha que vai passar uma temporada sendo mimada pelas vovós e titia, todos irão comigo na mente e no coração e espero ser uma pessoa muito melhor de se ter por perto quando eu voltar.

– E o MAIS importante, não vou largar minha liberdade, minha chance de ver o mundo através de olhos que ainda não tenho e que pretendo conquistar.

Enfim, acredito que tudo que é realmente meu, são as coisas que eu consigo carregar na mochila e no coração. E largar tudo, pode não ser tão “TUDO” assim.

48 Comentários Você vai largar tudo?

  1. Daniela 13 de setembro de 2015 às 11:40

    Me emocionei com seu texto.
    Você escreve muito bem (“culpa” da Solange, minha filha…). Transcreve sentimentos em palavras de maneira suave. Lendo você, até parece fácil.
    Viva seu sonho com intensidade, estarei aqui acompanhando de longe e torcendo por você, minha amiga, sempre.
    Sou uma de suas raízes, nunca se esqueça disso.

    Dani

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:43

      ah minha amiga mais que querida, obrigada por todo apoio, amo você e já viajo com saudades.

      Responder
  2. Shirley 15 de setembro de 2015 às 00:30

    Que lindo, Camilla!!! Te admiro muito pela coragem e determinação de realizar esse sonho!! Deus esteja com vc, em cada passo que vc der, em cada cantinho que vc conhecer desse mundo maravilhoso, que Ele criou!! Bjussss cunhada linda!!!! Vou estar aqui devorando suas palavras!!

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:43

      Obrigada Cunhada! Com certeza vocês irão comigo no meu coração!!! beijo enorme e abraço apertado

      Responder
  3. Noelle 15 de setembro de 2015 às 02:40

    Cá, vai ser libertador. Será uma das melhores experiências que você vai viver na sua vida.
    A única coisa que eu desejo a você é que sempre… Você escolha pela felicidade. A SUA felicidade.
    Beijos e aproveite.
    No

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:42

      obrigada No! que a gente sempre tenha força e coragem para ir em busca de nossa felicidade. estou muito feliz por vc viu! beijos

      Responder
  4. eduardo de toledo 15 de setembro de 2015 às 06:19

    Lindo texto Camilla! E muito verdadeiro, como você!
    Bárbaro e especial você dividir essa sua jornada!
    Edú Toledo

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:41

      Edu, sem palavras para te agradecer todo o apoio de sempre e principalmente nesta fase que resolvi largar tudo rs rs.
      Beijos!

      Responder
  5. Sergio 15 de setembro de 2015 às 06:30

    Minha prima, minha amiga e minha inspiração.
    Tenho orgulho de fazer parte de sua raiz.
    Sempre terei você pertinho do coração.
    E mundo vai deixar alguém feliz.

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:39

      oi Primo! Com certeza você faz parte de minhas raízes e de uma bemmmm profunda viu? Obrigada pelo apoio,você não imagina como este carinho me dá coragem em seguir em frente! Beijo enorme para você e suas meninas 🙂

      Responder
  6. Paula 15 de setembro de 2015 às 07:20

    Adorei o blog!! Adorei o texto!! Muita sorte e felicidade na realização deste sonho!! Bjo!!

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:37

      obrigada Paula!! beijos

      Responder
  7. Analúcia Batista 15 de setembro de 2015 às 07:45

    Oi Cami. Vai ser uma delícia acompanhar o seu blog e a sua viagem. Você escreve muito bem. Vou te contar uma coisa, quando comecei a planejar a minha volta ao mundo e lia inumeros textos sobre a experiência de outras pessoas o que mais me incomodava era a expressão “larguei tudo”. Acho que essa ideia sobregarrega com um peso enorme a experiência leve de viajar o mundo. Ela é tão trágica, como se nunca mais fossemos voltar e reatar com a nossa vida que deixamos temporariamente de lado para viver essa aventura.
    E você complementou perfeitamente com o seu texto o que eu penso e sinto. O que realmente estamos deixando de lado? E o que é realmente importante não largar nunca. Parabéns!

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:37

      oi Analucia! Que bom que gostou 🙂 Estou fazendo este blog com muito carinho e tenho certeza que vai ser uma forma deliciosa de manter contato com meus amigos, minhas raízes. Beijo Grande

      Responder
  8. Dani Lopes 15 de setembro de 2015 às 08:47

    O sonho do blog você está iniciando! Algumas coisas ficam pra traz pra dar lugar para novas! Só não se esqueça de levar o pijama bege!!! Rsrs estaremos com você nessa viagem! E voltar uma pessoa melhor para se conviver? Impossível! Você já é um dos melhores seres humanos que conheci! Boa viagem minha amiga! Seja feliz!!!! Beijos com saudades

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:36

      Pijama Bege! rs rs rs morri! Obrigada pelo apoio amiga pobricha linda. Também estou com saudades 🙂

      Responder
      1. Dani Lopes 16 de setembro de 2015 às 10:42

        Vai com Deus amiga! Estou torcendo por vc é sempre pela sua felicidade! Te amo!

        Responder
        1. Camilla Albani 22 de setembro de 2015 às 19:00

          obrigada pobricha linda 🙂 amo vc também!

          Responder
  9. Claudia 15 de setembro de 2015 às 09:55

    Cá tenho certeza que nessa viagem você vai conseguir atingir os seus objetivos e ainda mais! Estou aqui torcendo por vc! E com vc falou os amigos vão com vc no coração! Beijos

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:34

      oi Cau! Com certeza vocês vão no meu coração. Beijos

      Responder
  10. Flor 15 de setembro de 2015 às 11:05

    Adorei. Acho que quando as pessoas fazem comentario deste tipo – “nossa, voce vai largar tudo?” na verdade nao estao falando da gente… estao falando delas mesmas. Quando uma pessoa se define a atraves dos seus pertences/trabalho/etc., eh quase impossivel cogitar deixar tudo isso pra traz, porque eh quase como se ela estivesse perdendo a sua identidade ao faze-lo.

    A minha resposta seria, “e o que voce vai ganhar?????” 🙂

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:33

      é isso aí Flor querida! no meu caso acho que não vai dar para listar o que eu vou ganhar depois de “largar tudo”. obrigada pela força viu! beijos

      Responder
  11. Lenice Santos 15 de setembro de 2015 às 12:45

    Cá!!!
    Que demais….amei seu texto!!!
    Viva intensamente….”largar tudo, sim” e ser feliz!! Isso é o mas importante e libertador!!!
    Boa Viagem e Fortisssssimo abraço!!!

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:32

      Obrigada pelo apoio Le!Beijos&Abraços

      Responder
  12. Elaine Aquino 15 de setembro de 2015 às 12:49

    Adorei……esse blog promete !! Amiga, tenho certeza que tudo que vai adquirir nesse 1 ano não caberia em mochila alguma, nem no carro, nem no apto……Asas enormes pra VC !!! Torcendo muito !! Bjokas

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:29

      Amiga querida, muito obrigada por toda a força nos últimos tempos…o dia do juízo final chegou! rs rs rs beijos

      Responder
  13. Arleti albani Santos 15 de setembro de 2015 às 13:40

    Camila, acredito sinceramente em tudo que vc escreveu. Desejo que seus anseios se concretizem e terei imenso prazer em ouvir suas experiências. Deus te acompanhe. Bjs.

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:28

      Obrigada Prima! Com certeza as experiências serão divididas aqui com vocês, Minhas Raízes. Bjs

      Responder
  14. Adri Julio 15 de setembro de 2015 às 14:20

    Camilaaaaa, lindo seu texto! Concordo plenamente com “largar tudo o que????” Quanto mais desprendidas formos, mais felizes seremos…afinal, tudo é tão temporário…até mesmo as raízes, por mais profundas que sejam, um dia se despendem….é a vida em sua plenitude mais efêmera…vá que estaremos com VC!!! Bjs

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:26

      Obrigada Dri! E com certeza vocês estarão comigo! Beijos

      Responder
  15. Selma Vieira 15 de setembro de 2015 às 20:10

    Amiga lembro como se fosse hoje, vc falando no aniversário da sua irmã que iria largar tudo e correr o mundo, a princípio achei que estava zoando, mas percebi que vc está fazendo o que eu gostaria de fazer. O meu problema que que sou mais medrosa que imaginava….kkkk. Parabéns pela atitude e boa sorte nessa viajem. Que o mundo te abrace e cuide de vc. Bjo se cuida!!!!

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:25

      oi Querida! Todos tem a sua hora, né? O importante é ficarmos sintonizadas. Obrigada pela força! Super beijo

      Responder
  16. Leonidas Moreira 15 de setembro de 2015 às 21:27

    Camilla, muito legal o seu desprendimento e a sua vontade de buscar o novo e viver experiências marcantes. Uma atitude muito corajosa e invejável.
    Você é uma pessoa iluminada e certamente conseguirá encontrar as respostas que procura e compartilhar a sua alegria e presença de espírito com aqueles que tiverem o privilégio de te conhecer nas suas andanças.
    Ficarei torcendo pelo seu sucesso!!! Vá com Deus!!!
    Abraços,

    Léo

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:24

      Oi Léo! Puxa, muito obrigada pela força. Estou com muita fé que esta será uma viagem de transformação.
      Vamos ficar conectados por aqui. Beijos!

      Responder
  17. Samira Bolgar 15 de setembro de 2015 às 23:29

    Coragem e Sensibilidade= Camila Albani minha querida e linda amiga!
    Te amooo

    Responder
    1. Camilla Albani 15 de setembro de 2015 às 23:46

      obrigada Sasá!!!! vamos juntas nessa jornada. beijos

      Responder
  18. Sandra Valquiria Oliveira da Silva 16 de setembro de 2015 às 05:28

    Uma linda viajem para você. Que Deus te acompanhe e ilumine. Estarei aqui explorando cada lugar através de você. Pessoas, culturas, curiosidades, e muito mais pois tenho certeza que buscará viver intensamente em cada um deles. Bj.

    Responder
    1. Camilla Albani 16 de setembro de 2015 às 07:33

      Obrigada Sandra!!! Acredito que o mais importante é isso que você disse mesmo, FÉ! Tenho muita fé que tudo vai dar certo. Beijo Grande

      Responder
  19. Juliana Tavares 16 de setembro de 2015 às 10:14

    Lindo, lindo, lindo texto!!!
    Boa viagem, feliz por ter te reencontrado antes da sua viagem.
    Que seja tudo transformador e maravilhoso!

    Responder
    1. Camilla Albani 16 de setembro de 2015 às 11:06

      Jú, te reencontrar neste momento tão especial da minha vida foi um presentão que o universo me deu. Muito obrigada por toda apoio nestes últimos meses que nos reaproximamos e não se afaste de mim nuncaaaa maisssssssss. beijos

      Responder
  20. Zilda 16 de setembro de 2015 às 19:55

    Camilla, lindo texto! Sincero e apaixonante como você.
    Parabéns pela coragem, viva intensamente este sonho.
    Que DEUS te acompanhe nesta jornada.
    Bjs Família Marcelli
    (Guguinha)

    Responder
    1. Camilla Albani 22 de setembro de 2015 às 19:00

      Guguinha linda, só tenho que falar que eu amo você! Beijos

      Responder
  21. Angela Cabbau 17 de setembro de 2015 às 00:13

    Admiro muito seu modo de pensar e sua franqueza ao redigir este texto. Seja feliz em cada lugar que passar, mas não esqueça da tia que te ama. Que bom fazer parte desta raiz (você) que com certeza se tornará uma árvore frondosa para abrigar os que precisam de você. Bjsss

    Responder
    1. Camilla Albani 22 de setembro de 2015 às 18:59

      oi tia querida. com certeza você faz parte das minhas raízes mais profundas. obrigada pelo carinho. beijos

      Responder
  22. Rodrigo Zago 24 de setembro de 2015 às 09:31

    Boa largada, Camilla! Excelente texto. Adorei particularmente o trecho sobre “o marido e casal de filhos que eu não tenho”, mas também vários outros. 🙂
    Já estou acompanhando a página no Face, mas seria legal se você também colocasse uma opção aqui no site para poder receber uma newsletter para quando você colocasse novos textos.
    “Largar tudo”, ainda que a mais comum, é uma maneira um pouco estranha de ver a sua situação. Pareceu-me muito mais sempre que a sua vontade era muito mais de “agarrar tudo” do que largar. Uma maneira de ver a vida que sempre esteve presente mesmo no aspecto profissional (que acaba que sempre foi o que tive mais contato), uma vontade de viver por completo, de aproveitar todas as oportunidades, de se conhecer por inteiro e de se conectar com os outros.
    Estou muito, mas muito contente mesmo de acompanhar essa sua jornada! Boa sorte!
    Beijão!

    Responder
    1. Camilla Albani 24 de setembro de 2015 às 21:19

      Obrigada Zago!!!!
      Vou tentar descobrir como coloca essa opção de mandar o e-mail quando tem novo post, sei o que está falando e é bem útil mesmo, só preciso descobrir como colocar…
      Bjs e feliz de vc estar junto nesta jornada!

      Responder
  23. Maria Aparecida 29 de setembro de 2015 às 15:43

    Minha linda!

    De todas as formas você nos comunica que o melhor ainda está por vir!

    Esta certeza é o que me acalenta quando sinto “um frio na barriga” vindo da consciência da distância física que nos separa. Outra certeza, é que você não “largou tudo” você apenas se desprendeu (com muita competência!) daquilo que não era essencial nesta fase da sua vida.

    Deus acompanhe cada passo seu! Não peço a Ele que seus caminhos sejam os mais fáceis, peço antes que todos eles, subindo ou descendo, possam te conduzir a mais plena e verdadeira felicidade!

    Meu carinhoso abraço!

    Responder
    1. Camilla Albani 1 de outubro de 2015 às 07:07

      puxa, para você eu não tenho nem palavras.
      muitos anjinhos me ajudaram (ou empurraram) para esta jornada, mas você foi o “mestre” dos anjinhos. rs
      me lembro como se fosse hoje quando te liguei para contar da idéia…rs…e você achou o máximo, mesmo sem botar muita fé no começo e eu ia até o final!
      obrigada é pouco. sinto eterna gratidão.
      beijo enorme e abraço bem apertado direto do outro lado do mundo 🙂

      Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *